RESENHA | Boa noite, Estranho de Jennifer Weiner





"Boa Noite, Estranho" da autora Jennifer Weiner, lançado no Brasil pela Editora Novo Conceito. Trata-se de uma história de suspense, envolvendo uma mistério e uma investigação, mas também uma história contada de forma bem humorada e divertida. Kate é uma ex repórter, que agora possui uma vida bem diferente após o nascimento dos seus filhos e ter se mudado com o marido ausente para uma cidade tranquila, e cheia de mães glamourosas, que Kate parece não se encaixar.

Então, uma das vizinhas de Kate é encontrada morta, e ela não consegue resistir a ideia de investigar o que aconteceu e quem foi o responsável. É assim que um antigo amor reaparece em sua vida, e Kate precisa entender como a as coisas chegaram a esse ponto, em que ela acabou em um relacionamento incompleto e longe da vida que ela tanto gostava.

Quando peguei este livro para ler, achei que ele seria o tipico livro de suspense, sério, tendo como foco a descoberta do assassino. Mas o livro me surpreendeu positivamente, pois ele traz uma protagonista comum, cheia de inseguranças, com toda uma rotina doméstica que a prende tanto fisicamente quanto emocionalmente. Kate tem que lidar com três crianças pequenas, refeições, afazeres domésticos e um marido que trabalha mais do que fica em casa. Mas a personagem consegue equilibrar isso muito bem, e parte da diversão do livro, e o que torna ele tão interessante é exatamente isso.


Os pensamentos da Kate, sua interação com a melhor amiga Janie, que é uma personagem espetacular são os pontos mais divertidos do livro. Não é do tipo que vai te fazer ir descontroladamente, mas tem um ar divertido e esperto que é fundamental para dar o clima que o livro usa durante toda a história. Junto com isso, achei bem interessante os embates emocionais que ela tem. Com o reaparecimento de Evan (seu antigo amor), e seu relacionamento atual que não está indo bem, acompanhamos junto com a Katie, as dúvidas sobre o que fazer.

A única coisa que me incomodou um pouco foi o final da história. A parte sobre a resolução do caso foi ótima, pois a autora consegue criar todo um enredo, em que a gente não consegue perceber quem é o culpado ou o porque até o final. Mas achei que a autora deixou algumas coisas sobre a vida da Kate em aberto, que ficaram me remoendo após o fim, porque eu sentia que precisava saber de algumas coisas. Mas ainda sim, este livro uma ótima surpresa e acho uma ótima indicação para quem gosta de suspense, mas também para quem etá entrando no gênero pela primeira vez.





0 comentários

Obrigada pela atenção. Assim que possível estarei respondendo :)