CRÍTICA | NASCE UMA ESTRELA

Eu nunca tive vontade de aplaudir um filme antes, então conheci Nasce uma Estrela.

O filme conta a história de Ally (Lady Gaga), que tem o sonho de ser cantora profissional até que Jackson (Bradley Cooper), um renomado cantor esbarra com ela e a trás de vez para onde ela sempre mereceu estar, nos palcos. 

Resultado de imagem para nasce uma estrela

Desde o início do filme a atuação da Gaga me surpreendeu, e muito! A única vez que tive contato com ela atuando foi em American Horror Story Hotel e o pouco que vi da quinta temporada não me impressionou. Talvez esse filme tenha deixado a cantora muito confortável por também ter performances nos palcos e certas partes do roteiro terem claramente sido escritas com base nas críticas que ela recebeu no início de sua carreira, como a implicância com sua aparência.

As musicas apresentadas entre uma cena e outra são dignas de arrepios e o filme em si exige uma entrega muito grande dos atores. Por mais que a historia vá se encaminhando para um super drama a trama também sabe dosar os momentos cômicos, que no início da trama apresentou drags de Rupaul’s Drag Race, que inclusive Lady Gaga já tinha um contato por ter aparecido no primeiro episódio da oitava temporada da série. 

Nasce uma Estrela é a cara do Oscar, a fórmula que os críticos da academia adoram! Apresentando a indústria por dentro dos prêmios e shows e fazendo aquela crítica sobre o meio artístico que a gente ama endeusar, mas que sempre quebra a nossa cara com tanta podridão. O longa parece querer mostrar o lado de um artista cansado e pouco a pouco sendo consumido por sua depressão e por outro lado o início da carreira de outra, quando a maioria das mudanças acabam sendo bem vindas e tudo é excitante. 

Esse não foi o primeiro longa-metragem com o nome “Nasce uma Estrela”, antes desse remake o clássico de 1976 foi interpretado por Barbra Streisand e já foi um sucesso das críticas no passado. Hoje o filme que estreia amanhã (11/10) nos cinemas já provou manter o sucesso de seu primeiro e já foi assistido por 9 milhões de pessoas, segundo o New York Times. 

Imagem relacionada

Na verdade um filme feito com tanto amor pelos envolvidos não poderia ter outra trajetória do que ser um sucesso nas críticas! Além de Bradley Cooper ter interpretado o personagem principal da trama ele ainda co escreveu o clássico e diz ter feito algo que ele conhece, viu e viveu durante todos os anos de sua carreira.   

Sendo um dos poucos filmes que eu vou realmente te orientar a ir ao cinema e passar por essa experiência sem igual, Nasce uma Estrela é um daqueles filmes que você vai procurar a playlist inteira no final e quem sabe até querer voltar a ir ao cinema só para ter o prazer de rir e se emocionar ao som de Gaga e Cooper.

Resultado de imagem para nasce uma estrela

0 comentários

Obrigada pela atenção. Assim que possível estarei respondendo :)