VIDAS ENTRELAÇADAS, DE DIANE BERGHER


Olívia é uma mulher forte, determinada, batalhadora. Uma mulher que luta todos os dias por ela, por seus sonhos e principalmente por seu filho Vicente. Ele é o porto seguro dela, é  a luz brilhante de seus dias, é a calmaria em meio a tempestade. Olívia engravidou dele numa situação inusitada e um tanto quanto interessante. Foi uma vez, um momento, mas quando é pra ser, é. A partir daquele instante tudo mudaria em sua vida. 

Frederico é um grande empresário, que resolveu seguir seus sonhos e fazer seu próprio caminho. Destemido, ele ousou e venceu nas suas investidas, assim sendo seus negócios  andam de vento em poupa. Inaugurando mais uma boate, ele estará no lugar certo, olhando para a mulher certa. Frederico admira a bela jovem e resolve seguir seus instintos indo até ela. Ele não imagina o motivo, só sente que ela é especial e que é a mulher da sua vida. Uma emoção toma conta de seu coração e um sentimento nasce ou renasce imediatamente.

João Pedro, assim como o irmão, é um grande empresário, que administra o negócio da família no ramo jornalístico. Ele conheceu uma  linda  mulher, a viu, desejou e desde então ela esteve sempre presente em seus pensamentos. Anos  se passam e eis a sua surpresa quando ele fica frente a frente com aquela que marcou em um dia sua vida.



Três pessoas, três destinos, um elo de ligação. Um triângulo amoroso que vem para abalar as estruturas do nosso emocional e instigar o leitor a decifrar através de cada sonho a história deles. Olívia, Frederico e João Pedro são os personagens principais dessa história, mas é através dos pesadelos de Olívia que é apresentado ao leitor todas as nuances das suas vidas passadas. E assim somos levados a um enredo onde o enlace se deu há muito tempo atrás e que veio se perpetuando ao longo dos anos com o intuito de ser finalmente o encaixe perfeito de vidas e amores, tomando assim as decisões certas. 
Era como se nossas almas estivessem presas uma na outra por um  fio que ultrapassa as barreiras do tempo.
Olívia traz na alma as marcas de vidas passadas e essas são, em forma de pesadelos, cada dia mais presentes e reais em sua vida atual. Atormentada todos as noites ela tenta em vão se libertar desses que a estão desestabilizando. Seguindo o conselho da sua melhor amiga Babi, ela procura ajuda, mas infelizmente são todas em vão. Seus  pesadelos são sofridos, fortes e  intensos  tanto na dor do momento, quanto na realidade, dando à  Olívia a sensação de ter vivido aquilo tudo. Sem saber o que fazer, nem como lidar com isso, ela procura a ajuda de um terapeuta de vidas passadas para tentar entender e desvendar o mistério por trás dos pesadelos, e desta forma encontrar uma razão e explicações para a mesma. 
Aprendi que não devemos dar as costas para nossos sonhos, eles nos trazem mensagens, algumas vezes são boas novas, outras nem tanto, mas são mensagens!
Um romance que no mostra um encontro de almas, que almejam o amor e a  felicidade, e buscarão com todas as suas forças essa conquista. O destino  teceu o encontro, agora cabe a eles entender o propósito dessa nova chance e colocarem de vez as suas vidas em seus devidos lugares. Olívia é uma em meio a tantas mulheres marcadas pela dor de não ter conseguido, mas agora as chances estão altas e ela muito mais forte do que antes tomará para si a responsabilidade de ser feliz e de conseguir finalmente seguir o caminho certo. O  final é uma surpresa linda e assim fecha com chave de ouro o que há anos estava destinado. 
Um amor que venceu a barreira do tempo e da morte, um amor que sobreviveu ao sofrimento e à distância, um amor que agora desabrochava, um amor que merecia ser vivido em sua plenitude.
Uma história emocionante que inebria os olhos e apaixona o coração!
Diane traz um tema extremamente interessante, e vai com o virar das  páginas nos mostrando as várias facetas dessa  história rica em detalhes e linda a sua maneira. A capa ficou maravilhosa, a diagramação um luxo, mas o enredo, ah esse é um show a parte! A forma como tudo se deu, o desenrolar da história, a revelação dos pesadelos, o amor de dois homens, a decisão de uma mulher, a certeza de que se antes não pôde agora poderia, e por fim a viagem pelo espaço e tempo, definem a maestria com que a autora entrelaça os leitores a esse belo romance! A emoção corre solta do início ao fim, despertando sorrisos, lágrimas e suspiros.  
Juntos novamente... encontramos o amor de duas partes de uma mesma alma que havia demorado muito para se completar.
Somos delicadas na mesma proporção em que somos dotadas de uma fortaleza sem precedentes. Somos frágeis na mesma proporção em que nos revestimos de fortaleza para defender nossas proles. Olívia é tudo isso, uma mulher que precisou ser frágil para encontrar sua fortaleza e merecer seu final feliz. "Diane Bergher"

0 comentários

Obrigada pela atenção. Assim que possível estarei respondendo :)