Header Ads

https://www.amazon.com.br/b/ref=as_li_ss_tl?ie=UTF8&node=17372554011&linkCode=ll2&tag=maravilhdesco-20&linkId=a0bab6bcf0191dcca873f385f3f6fecc

UMA NOITE COMO ESTA, DE JULIA QUINN



Uma noite como esta é o segundo livro da série Quarteto Smythe-Smith, que gira em torno dessa famosa família conhecida por seus concertos musicais horrorosos. Como acontece com todas as séries de época, cada livro conta a história de um membro da família, e podem ser lidos separadamente. Neste segundo livro, o membro da família escolhido é Daniel Smythe-Smith, o conde Winstead. Três anos atrás ele participou de um duelo com seu amigo Hugh Prentice. As coisas não acabaram bem, e Daniel foi obrigado a sair do país, fugindo do pai irritado de Hugh. Agora Daniel pôde finalmente retornar a Inglaterra, e é durante mais um concerto da família, que ele conhece Annie Wynter.

Annie é uma jovem governanta, que cuida das primas mais novas de Daniel. Devido as circunstâncias ela é obrigada a tocar durante o concerto dos Smythe-Smith, mesmo que tudo o que ela queria era manter distância dos holofotes. Ela precisava ser discreta, se quisesse continuar escapando do seu passado, que parecia estar cada vez mais perto dela. E toda a sensatez dela, parece ser colocada a prova, quando ela conhece Daniel. Ela tinha aprendido da forma mais difícil que não havia chances para duas pessoas de classes diferentes, mas para Daniel nada disso importava desde o momento em que a viu pela primeira vez.

Posso começar dizendo que gostei bem mais desse livro do que o primeiro da série Simplesmente o Paraíso. Não que este também não seja muito bom, mas as coisas fluem mais rapidamente nesse segundo, e a trama é mais movimentada. Daniel é um personagem apaixonante. Ele é bonito, nobre, tem um bom coração e adora sua família, mesmo que seus ouvidos sofram a cada concerto. Ele fica encantado no momento em que vê Annie, independente de sua situação social. Ao se aproximar dela, ele não nenhuma má intenção, mas a necessidade de estar com ela, vai evoluindo a medida que os dois se conhecem.

 

Annie é também uma ótima pessoa. Muito bonita, inteligente, doce, que carrega a tristeza de ter feito uma escolha errada na vida, e ser obrigada a esconder seu passado. É muito divertido ver a relação dela com Daniel e com as suas pupilas, que são uma graça, e protagonizam diálogos muito engraçados.  Já sobre o nosso casal, gosto de como as coisas  andam mais rápido entre eles. Esse livro me lembrou outra autora, Lisa Keyplas, que costuma ser mais ágil no romance, do que a Julia Quinn.

O livro trás uma trama secundária bem movimentada, associada ao casal. Colocando em risco a vida de Daniel e a de Annie também. Como sempre, a obra é bem escrita, na medida certa entre diversão e romance. Menção ao aparecimento do amigo de Daniel, Hugh Prentice, que parece ter uma mente bem interessante, e que vai ser o mocinho do próximo livro da série, A Soma de Todos os Beijos. Vamos ver se o livro mantém o patamar de Uma Noite Como Esta, ou será ainda melhor.



Nenhum comentário

Obrigada pela atenção. Assim que possível estarei respondendo :)

Tecnologia do Blogger.