Header Ads

https://www.amazon.com.br/b/ref=as_li_ss_tl?node=16337903011&pf_rd_m=A3RN7G7QC5MWSZ&pf_rd_s=merchandised-search-1&pf_rd_r=25NB0E9QZ77ARZK9R4XS&pf_rd_t=101&pf_rd_p=016d5e8e-fbd7-4556-89df-e2fa66391ee3&pf_rd_i=16337903011&linkCode=ll2&tag=maravilhdesco-20&linkId=fd09f073782dbee08f43fefbb4db448b

CRÍTICA DE FILME: O PODEROSO CHEFINHO

Sabe quando você dá tanta risada em um trailer que ele acaba te vendendo o filme facilmente? Então, em O Poderoso Chefinho foi o que aconteceu comigo!

Quando um bebê chega na casa, seu irmão mais velho tem que se adaptar a ideia de um irmãozinho nada convencional que em vez de comer, babar e dormir, "na verdade" domina um exército de bebês de seu bairro contra a ameaça número um dos bebês, os filhotinhos de cachorro que tiram toda a atenção deles!


Além dessa viagem o filme tem muitas outras! Mas confesso que quando o filme começou a ser anunciado não imaginei que teria tanta repercussão! Afinal é só mais uma animação infantil não é mesmo? Errado, ai que eu me enganei, esse filme não é "apenas mais um" porque ele trás uma ideia nova, simples mas que eu nunca tinha visto ser explorada! 

O filme conta a história quase que 100% pela perspectiva das crianças, então enquanto os acontecimentos do filme vão rolando ele te faz acreditar que aquilo tudo é real, quando na verdade são só as crianças, sempre muito criativas, imaginando e inventando tudo


Um filme que ultrapassou as bilheterias do esperado remake de A Bela e a Fera nos EUA rapidamente merece muito um destaque! E se você, como eu, não ligou muito para O Poderoso Chefinho de início, repense e o assista, talvez você goste! 

Nenhum comentário

Obrigada pela atenção. Assim que possível estarei respondendo :)

Tecnologia do Blogger.