Header Ads

https://www.amazon.com.br/b/ref=as_li_ss_tl?node=16337903011&pf_rd_m=A3RN7G7QC5MWSZ&pf_rd_s=merchandised-search-1&pf_rd_r=25NB0E9QZ77ARZK9R4XS&pf_rd_t=101&pf_rd_p=016d5e8e-fbd7-4556-89df-e2fa66391ee3&pf_rd_i=16337903011&linkCode=ll2&tag=maravilhdesco-20&linkId=fd09f073782dbee08f43fefbb4db448b

ESTIVE PENSANDO: HERÓIS


Estive pensando sobre os heróis sem super-poderes, identidade secreta e acessórios incríveis, isso porque tive contato com dois personagens assim.

Saí do cinema agorinha mesmo. Assisti ao filme Ponte dos Espiões com Tom Hanks, a propósito recomendo que assistam. Ele é inspirado em fatos reais e conta a história de um advogado que tem que defender um espião soviético que foi pego nos Estados Unidos.


Pode imaginar a pressão contra ele? A ideia era ele atuar e deixar com que o prisioneiro fosse para cadeira elétrica de uma vez, mas de acordo com o advogado: 


"Toda vida importa."

Coincidentemente, o último livro que li foi O Sol é para todos, da Harper Lee, publicado pela editora José Olympio. Nele, Atticus, também um advogado, tem que defender um negro acusado de estuprar uma branca. A narrativa se passa na década de 50 no Alabama, onde os negros ainda sofriam um preconceito fortíssimo. Esse personagem também sofre uma reação violenta por parte da sociedade que não concorda com sua posição.


E não são só eles. Outros personagens como Oskar Schindler (A lista de Schindler), Alan Turing (O jogo da imitação), Jean Valjean (Os miseráveis), John Carter (Uma princesa de Marte), Capitão Richard Phillips (Capitão Phillips) e tanto outros estão aí para nos inspirar com seus feitos heróicos!

Voltando ao cinema, saí de lá pensando o quão inspiradoras são essas histórias que nos mostram pessoas comuns que tomam uma decisão em suas vidas e se tornam exemplos, modelos de coragem e bondade.

"Era em momentos como esse que eu achava que meu pai, que detestava armas e nunca tinha ido a nenhuma guerra, era o homem mais corajoso que já existiu." (O Sol é para todos)

O que essas pessoas têm em comum? Humm... Também pensei sobre isso e concluí que elas sabem qual é a atitude certa, a decisão mais humana e optam por seguir esse caminho. Não é fácil. Eu, mesmo torcendo por elas, me peguei pensando que deviam desistir, seria mais sensato, mais seguro. Mas elas não conseguem... O caráter desses personagens está tão bem definido que eles não conseguem pegar o atalho que a vida lhes sugere.

"Mas antes de ser obrigado a viver com os outros, tenho de conviver comigo mesmo. A única coisa que não deve se curvar ao julgamento da maioria é a consciência de uma pessoa." (O Sol é para todos)

Outra semelhança entre esses personagens é que eles se importam com os outros. Independente de quem sejam ou do que tenham feito, eles acreditam que devem ajudá-los e salvá-los de injustiças. Eles realmente se importam com qualquer outro ser humano!

Ambas as histórias me deixaram muito emocionada. Eu que não sou de chorar fiquei com os olhos marejados no fim do filme, naquela parte que mostra por escrito o que aconteceu com os personagens, sabe?

Não acho que eu seja uma heroína, mas acredito que há heróis espalhados por aí, para a nossa sorte. Há pessoas que dedicam suas vidas a fazer o melhor de si. Há pessoas que diante de escolhas optam pelo certo e não pelo mais conveniente.

"... nós estamos prestando a ele a maior homenagem que se pode fazer a um homem: confiamos nele para fazer o que é certo. É simples assim." (O Sol é para todos)

De minha parte, só posso agradecer a essas pessoas tão especiais que na realidade ou na ficção me inspiram a ser alguém melhor.


E você? Conhece heróis na vida real? Tem algum personagem que te inspirou a ser melhor? Me conta aqui nos comentários! Heróis assim devem ter sua fama espalhada por aí!









Nenhum comentário

Obrigada pela atenção. Assim que possível estarei respondendo :)

Tecnologia do Blogger.