Header Ads

Magnus Chase e os Deuses de Asgard - a Espada do Verão, de Rick Riordan





A espada do Verão”é o primeiro livro da trilogia “Magnus Chase e os Deuses de Asgard”, do famoso autor Rick Riordan, através da editora Intrínseca. Neste livro, conhecemos Magnus Chase, um adolescente que desde que perdeu a mãe, vive pelas ruas de Boston. Sua vida muda ao descobrir que seu pai, que nunca conheceu, é um deus nórdico, e que ele como um semideus tem um destino a cumprir, que pode destruir ou salvar todos os mundos.

Acompanhado de um grupo bem diversificado formado por uma valquíria, um elfo e um anão, em uma aventura pelos nove mundos, Magnus tenta impedir o Juízo Final. Tendo que lidar com deuses temperamentais, misteriosos e de caráter duvidoso. Sem falar dos trolls, gigantes, animais estranhos e uma série de outros obstáculos que atravessam seu caminho.

Somos apresentados a mitologia nórdica daquela forma divertida que só Rick Riordan consegue trazer. Deuses nórdicos e seus descendentes vistos de uma forma completamente diferente.

Essa nova história segue a mesma linha dos outros livros do autor, as séries “Percy Jackson e os Olimpianos”, “Os Herois do Olimpo” e as “Crônicas dos Kane”. Mas dessa vez apostando em uma mitologia menos conhecida. Pelo menos para mim, que só conhecia o que havia visto nos filmes de Thor da Marvel. Se for o seu caso também, alguns termos e deuses serão familiares. Pelo menos de nome, porque no resto é tudo de um jeito novo. Esses “Novos” deuses são tão divertidos quanto os gregos ou egípcios, das series anteriores.

Outra coisa legal, para quem já é fã do autor, é a referência a personagens de outras séries, que aparecem neste livro, sem ser fundamental conhecê-los. Também vale ressaltar o retorno dos títulos de capitulo, que são muito divertidos. Como a história é narrada apenas por Magnus, Rick Riordan pode retomar essa característica, que conquistou muita gente em “Percy Jackson”.

Não posso deixar de falar da capa magnífica do livro. Muitas vezes é ela que atrai o leitor. E nesse caso, está espetacular.  As cores, as letras, a aparência do protagonista (que lembra o Kurt Cobain de propósito), foi tudo muito bem feito. Outra característica dos livros do autor, a partir de suas publicações mais recentes.

Quanto à história, temos muita aventura, diálogos e situações engraçadas, que vão manter o leitor grudado no livro até saber o final. Interessante que por mais que a forma de narração seja familiar, e lembre a outros livros do Rick, esse ainda vai ser tão inovador e único, como cada um dos outros.

Com certeza é mais uma série que vai ser um grande sucesso, com uma história atraente, personagens divertidos e muita mitologia para agradar os fãs do autor e conquistar muitos outros.


Nenhum comentário

Obrigada pela atenção. Assim que possível estarei respondendo :)

Tecnologia do Blogger.