Header Ads

A Playlist de Hayden, de Michelle Falkoff

A Playlist de Hayden
Titulo: A Playlist de Hayden
Autora: Michelle Falkoff
Editora: Novo Conceito
Ano: 2015
Páginas: 284 páginas
Classificação: 5/5 | Adicione no Skoob 
Depois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola, o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava. A PLAYLIST DE HAYDEN é uma história inquietante sobre perda, raiva, superação e bullying. Acima de tudo, sobre encontrar esperança quando essa parte parece ser a mais difícil.

Hayden e Sam são melhores amigos e só tem um ao outro para se amparar. Unidos pela solidão e seu amor por jogos, os dois dorks se conheceram ainda muito novos e sempre tiveram problemas de se reajustar as outras pessoas. Agora, estudando juntos no Ensino Médio, os dois sofrem muito bullying, principalmente do irmão mais velho de Hayden, Rayan, e seus dois amigos valentões.

Morador do lado nobre da cidade, Hayden sempre foi oprimido por sua família por ser quem é. Já Sam, por mais que os problemas na escola fossem muitos, em casa tinha uma vida boa, apesar de muito complicada financeiramente.

Uma noite, Hayden que sempre foi muito recluso, chamou Sam para a festa. Mesmo não entendendo o porquê do pedido e cheio de desconfiança, Sam segue o amigo já muito estressado e assim que chegaram lá o inevitável acontece. Rayan e sua gangue os humilham mais uma vez.

Na noite seguinte Hayden é encontrado morto em seu quarto. Acabará de cometer suicídio e Sam não conseguindo entender e só conseguia se culpar por tudo que havia acontecido. Porém Hayden deixa algo muito precioso para o amigo; uma playlist.

Uma escrita cautelosa e cheia de tensão. Mesmo com as palavras simples e a leitura rápida, o decorrer o livro é lento e singelo. Não me apeguei no começo, mas acreditem.. o final é lindo e se você realmente entender todos os significados irá compreender porque sempre chorarei por aquele final.

No começo achei que a Playlist de Hayden iria ser um livro normal daqueles de lista que todos os americanos gostam de fazer, como Os Treze Porquês. Que iria, assim como Cidades de Papel, dar pistas ao protagonista a entender o porquê as coisas aconteceram. Mas mais da metade do livro havia se passado e eu só lia enrolação, quando então me deparei com os três últimos capítulos.

Surpreendente e cheio de ensinamentos, a Playlist de Hayden não é uma escrita natural. É uma escrita talentosa e que faz você se arrepiar. Não desistam do livro... acreditem! Tirem tudo que ele pode lhe dar e aprendam o verdadeira significado de “vida apos a morte” 

Nenhum comentário

Obrigada pela atenção. Assim que possível estarei respondendo :)

Tecnologia do Blogger.