Header Ads

https://www.amazon.com.br/Tartarugas-At%C3%A9-Embaixo-John-Green/dp/8551002007/ref=as_li_ss_tl?ie=UTF8&qid=1507581168&sr=8-1&keywords=Tartarugas+At%C3%A9+L%C3%A1+embaixo&linkCode=ll1&tag=maravilhdesco-20&linkId=c3ea7b7463de8115a73d3b747e1def3c

Assassin's Creed #1: Renascença por Oliver Bowden

Renascença é o primeiro livro da séries Assassin's Creed escrita por Oliver Bowden e lançada pela editora Galera Record.

Sinopse: Traído pelas famílias que governam as cidade-estado italianas, um jovem embarca em uma jornada épica em busca de vingança. Para erradicar a corrupção e restaurar a honra de sua famílias, ele irá aprender a Arte dos Assassinos. Ao longo do caminho, Ezio terá de contar com a sabedoria de grandes mentores, como Leonardo da Vinci e Nicolau Maquiavel, sabendo que sua sobrevivência depende inteiramente de sua perícia e habilidade. Para os seus aliados, ele será uma força para trazer a mudança lutando pela liberdade e pela justiça. Para seus inimigos, ele será uma ameaça que procura destruir os tiranos que oprimem o povo da Itália. Assim começa uma épica história de poder, vingança e conspiração.
Ano de  lançamento: 2011
Nº de páginas: 378
Classificação: QUATRO ESTRELAS


A história é protagonizada por Ezio Auditore, um garoto de 17 anos que vê seu pai e irmãos serem assassinados a sangue frio por um crime que não cometeram.

Após o ocorrido, Ezio, agora um foragido, procura refúgio na cidade vizinha, ao qual seu tio Mário governa, para ele e o que restou de sua família - sua mãe e irmã mais nova -, mas não antes de jurar vingança contra os traidores de sua cidade natal. O que ele não sabe é que há algo muito maior por trás do assassinatos de seu pai.

Chegando a cidade, Ezio descobre, através de seu tio, que a morte de seu pai foi promovida por um grupo denominado Templários. Essa ordem esta à procura de algo muito poderoso. Um conjunto de objetos que, separados são fortes, porém junto revelam um segredo mais antigo que o próprio mundo. Descobre também que seu pai era membro de um Credo ainda mais temida que os Templários, o Credo dos Assassinos, que jurou defender o mundo dos mercenários e, consequentimete, de todos os templários. 

A partir desse momento, Ezio Auditore se tornará um dos melhores e mais temidos assassinos de todos os tempos e ele só tem uma coisa em mente: vingar sua família.

O livro é de uma leitura rápida e simples, mas é preciso tomar cuidado com relação ao tempo que as coisas vem a acontecer, pois em diversos momentos, meses se tornam anos em questão de parágrafos. E quando você vê, Ezio já é um homem com seus 44 anos de idade.

Talvez por ser uma adaptação dos jogos, o "heroísmo" venha a ser o fator diferencial do livro. Apesar das constantes ajudas que ele recebe dos personagens secundários, basicamente todos os problemas são resolvidos por ele. Você se sente em pleno jogo, tendo que buscar ajuda quando você não tem como resolver algum problema e, quando você acha que tudo está perdido, BUM! Vem um de seus aliados e te salva para que você não perca o jogo.

Os amantes de vídeo game, com certeza, amaram essa aventura que se passa na década de 1472 e mostra personagens ilustres que fazem todo a diferença no desenrolar da história. 

Com uma ideia ilustríssima, o livro é excelente quando se falamos de intrigar e prender o leitor no decorrer da história. Você realmente fica ligada para o próximo acontecimento, porém ele possui um fator tecnicamente ruim.

A escrita, ainda não sei bem se por parte do autor ou do tradutor, é de nível inferior a obra. Como disse anteriormente, a ideia e o desenrolar dos acontecimentos são de uma distanciação excepcional, porém a descrição dos personagens, lugares e afins deixam um pouco a desejar.

Concluindo, o livro é muito bom. Só dei as quatro estrelas por um fator técnico que para mim, como leitora, não fez tanta diferença assim, mas que como blogueira e tendo que avaliar a obra como um todo acaba entrando em um dos meu requisitos para um livro cinco estrelas.

7 comentários:

  1. Adorei a resenha, muito bem escrita. Eu também tenho sérios problemas com traduções. Valeu as dicas porque estou louca pra ler a série do Assassin's. Adorei o blog tb e já estou seguindo e assinando o feed dele. Parabéns!


    http://porentrelinhaseestrelas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Mari, gostei muito de ler sua resenha, já vi meu primo jogando Assassin's Creed e achei os gráficos muito legais, por se passar nessa época da década de 1400.
    Agora uma dúvida, o livro é baseado no jogo ou o jogo é baseado no livro? Vc disse que é uma adaptação do jogo, mas eu não entendi em qual sentido (ai como sou burra).

    Bom, parabéns pela resenha, ficou ótima e me deixou curiosa para ler o livro E jogar o jogo hahaha

    Beijos
    Débora - Clube das 6
    http://www.clubedas6.com.br

    ResponderExcluir
  3. Eu tenho vários amigos que indicam esse livro, mas como eles são fãs do jogo nunca soube se a recomendação era verdadeira. hehe.
    Agora sua resenha me animou. Gostei muito dos seus comentários. Vou procurar saber mais.
    Parabéns pelo post.
    Um beijão, Mari. Fica com Deus.
    Jaqueline de Marco
    http://jaquelinedemarco.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Mari, sua resenha ficou muito boa, mas infelizmente não consigo me sentir interessada neste tipo de livro. Já gostei do jogo, agora nem isso. Enfim, resenha ótima esta de parabéns!!! Beijinhos da Lêeh

    Http://maetoescrevendo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Mari, a um tempo eu gostava bastante do jogo , mas não consigo me interessar pelo livro. Sua resenha ficou muito boa. Parabéns!
    Beijos da Lêeh

    Http://maetoescrevendo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. ja vi o livro, a capa é super linda!
    ja joguei o jogo é mt boooooooom vou ver se compro adoreii sua resenha flor!
    Beijinhos,
    http://gabieomundosecreto.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada pela atenção. Assim que possível estarei respondendo :)

Tecnologia do Blogger.