Header Ads

Elixir - Hilary Duff



Editora: iD editora
Ano de publicação: 2011
Numero de páginas: 280
Autor(ra): Hilary Duff




Elixir
Paris, boate mais badalada: Clea esta sufocada em meio de tantas pessoas, enquanto Rayna, sua melhor amiga, esta a procura da sua "alma gêmea". É a primeira viajem que Clea faz apos a repentina e misteriosa morte de seu pai, Grant Rayond, um renomado cientista.


Apesar de Clea ser fotojornalista, ela também ama tirar fotos. Por isso, em todos os lugares que ela vai, ela tira muitas e muitas fotografias. Tanto para ela, quanto para seu trabalho. E vamos concordar que Paris, é o melhor lugar para se tirar fotos. Mas ela nem poderia imaginar que aquelas fotos mudariam a vida dela por completo!  

Quando elas voltam de viajem, Clea começa a perceber que existe um cara desconhecido em todas as suas fotos. Começando com as de Paris e indo até o dia de seu nascimento. E não é só isso. A garota começa a ter sonhos com o tal homem misterioso, no qual, ela sempre se vê na pela das mulheres que ele amava. E no final dos sonhos, elas sempre acabam mortas

Com medo e preocupada, Clea resolve descobrir mais sobre o assunto e conta a Ben sobre a história toda. O que ela não sabe, é que Ben foi contratado pelo seu pai para protegê-la exatamente desse tal homem. Com isso, os dois começam a trabalhar juntos em busca de respostas para esse mistério.

Durante essa busca, Ben conta a Clea coisas que ela não sabia sobre o pai. Na verdade, ela sempre soube, mas não tão a fundo quanto Ben. Pois ela, por mais próxima do pai que fosse, não ligava muito para todas as coisas que o pai fazia. Coisas que para ela eram "estranhas", mas para Ben não. Ele sempre acreditou muito em todas as coisas que Grant lhe contava, principalmente quando o assunto era o "ELIXIR DA VIDA".  

Em uma viagem ao Rio de Janeiro, onde Clea está cobrindo o carnaval do Rio para uma revista, ela repentinamente, encontra o tal homem que aparece nos sonhos dela. Sem pensar, Clea o persegue desesperadamente. Quando finalmente o alcança e consegue falar com ele, ela descobre que o nome dele é Sage, e que realmente, ele é muito misterioso. 

Clea vê que o relógio favorito de seu pai está com ele, e ela não entende o porquê. De primeira, ele mente dizendo que um cara deu a ele, mas logo depois, percebendo que a história não ia convencer nem Ben nem Clea, ele resolve contar a verdade. Então ele revela que o pai dela, dias antes de desaparecer para sempre, lhe deu o relógio como garantia, para que Sage o encontrasse e pudesse, finalmente, revelar a resposta final para a sua pesquisa sobre o "ELIXIR DA VIDA". 

É realmente um livro que te prende do inicio ao fim. Não dava nada por ele, tanto que demorei quase dois anos para lê-lo. No começo confesso que não me interessou muito, mas com o passar das páginas fui ficando cada vez mais envolvida. Apesar de deixar a desejar a descrição sobre Tókio (afinal de contas é TÓKIO né?! CONTA MAIS!), sobre o Rio não tenho nada a falar. Foi perfeito, descreveu de uma forma linda e mostrou para todo o mundo o quanto a cidade maravilho têm. 

Existem personagem que não poderia deixar de comentar. Apesar de Sage não ter me convencido muito, ainda tenho esperanças com relação a ele para o último livro. Rayna, com certeza, foi a personagem que mais me envolveu. Até mais que a própria Clea. É lindo ler sobre amizade entre elas e o quanto Rayna ama sua melhor amiga. Ben, é o esperto da turma. E eu ODIEI o jeito como Clea o tratou apos as descobertas e os acontecimentos. Achei muito injusto com ele.  E, é claro, Piri. A empregada húngara supersticiosa da família Raymond. Eu me acabava de rir com as coisas que ela fazia e falava.

Já acompanhava a Hilary quando era mais nova. Vi todos os filmes que ela fez, e também via a série que passava na Disney. Quando ela começou a cantas, as musicas dela eram as minhas favoritas em qualquer viajem e quando soube que ela iria começar a escrever, fiquei fascinada. Adorei a ideia mas, como disse, não deu muito pela historia no começo. Hoje me arrependo muito por ter demorar quanto para ler Elixir.

2 comentários:

  1. Olá Mari, tudo bom?
    Adorei sua resenha, você escreve muito bem. Só não esqueça de passar o revisor antes de postar, porque sempre tem uma palavrinha que, na pressa, a gente escreve errado né? Nem sabia que a Hillary escrevia, fiquei muito animada para ler esse livro, parece muito bom! Quem sabe esse ano eu compre né?

    Já conhece o Endless Poem né?
    O blog está de cara nova, e por isso vim te convidar para prestigiá-lo
    Dá uma passadinha por lá e confere!
    Sua presença sempre será muito bem vinda e fique à vontade para comentar sobre tudo por lá!


    http://endless-poem.blogspot.com.br/


    Beijos

    ResponderExcluir
  2. ola passando para convidar para o super sorteio no meu blog amanha espero por você.
    http://luana-make.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada pela atenção. Assim que possível estarei respondendo :)

Tecnologia do Blogger.